quinta-feira, 25 de março de 2021

PREFEITOS E REPRESENTANTES SE REUNEM PARA ANALISAR PROPOSTA DE ABERTURA DE MAIS UTIs EM JUSSARA.

 



Estiveram reunidos nesta quinta-feira, Prefeitos e representantes das  Prefeituras de Jussara, Santa Fé, Novo Brasil, Montes Claros, Itapirapuã, Fazenda Nova, Britânia, Presidente da Câmara, além de vereadores para uma troca de ideias referente a abertura de mais leitos UTIs em Jussara, para atender a população, neste momento de dificuldades pandêmicas, causando colapso na saúde, em todas as cidades.
Instituto de Desenvolvimento e Assistência a Saúde-IDASA (Organização Social) vem a esta reunião com uma proposta de parceria a todas as cidades circunvizinhas de Jussara, possibilitando custeio menores para manter os leitos de UTIs, como os leitos de Semi-críticos. Nesta parceria, se efetivada, estaria inclusa tomografia e hemodiálise, na qual, muitos pacientes pós covid  necessitam deste tratamento. 
Hardwicken Vargas Miranda,  ex- Superintendência de Performance da Secretaria Estadual de Saúde, assim como Ana Lívia, representantes da O.S. IDASA, salientam que o valor estimado diário de R$ 3.400 dia de cada unidade, concluindo 10 leitos de UTIs e mais 10 leitos Semi-Críticos. Este valor, estaria incluso, além dos citados acima, uma usina de oxigênio favorecendo não somente ao hospital ao qual a ação será feita, mas aquelas cidades envolvidas.






Prefeitos falaram sobre as dores de suas cidades e dificuldades, devido a baixa arrecadação, aumento meteórico das medicações, ameaça de falta de fornecimento de oxigênio, entre outras barreiras enfrentadas pelas prefeituras, contudo, estão ao máximo procurando soluções para este desafio que assola a todos.
Esta ação, em conjunto, se tornaria uma alternativa rápida para o combate a covid-19, que com o firmamento da parceria, estariam estaladas entre 30 e 40 dias. 


Cabe citar, que para esta reunião foram tomadas todas as precauções, além de salão aberto e amplo, assim como álcool em gel, uso de máscaras e distanciamento.



Marnei Gazineu
CEO MG Produtora